Postagens

Mostrando postagens de Setembro 15, 2013

A "recuperação" do gelo do Ártico

Imagem
Assim como todo mundo, meu pai tem alguns hábitos ruins -- entre eles, fumar cachimbo e assistir a telejornais da TV aberta: Jornal da Band e Jornal Nacional, religiosamente, toda noite. Eu às vezes o acompanho nesses programas, meio que por interesse antropológico, e já faz um tempo que venho notando que o telejornal da antiga Rede Bandeirantes de Televisão (que por alguma razão, talvez numerológica, resolveu virar a Rede Banda-em-Inglês de Televisão) volta e meia embarca numa campanha editorial, de mão pesadíssima, para desacreditar o fato do aquecimento global de causa humana.

Nesta semana, foi ao ar uma pataquada em que os cientistas que defendem a visão de que a atividade antrópica está modificando o clima da Terra -- apenas 97% de todos os especialistas na área -- são chamados de "aquecimentistas", ficando subentendido que representam uma minoria (de 97%!) dogmática pero barulhenta. O mote da matéria foi a informação de que a extensão mínima de gelo sobre o Ártico, em …

Lua dos lunáticos

Esta é uma semana de Lua cheia (com a plenitude no dia 19), o que pode indicar que as próximas noites serão mais românticas mas, em compensação, mal dormidas. Um artigo científico recente diz que a Lua parece afetar a qualidade do sono: em média, nas noites de Lua cheia, as pessoas tenderiam a demorar mais para adormecer, uma vez apagadas as luzes; dormiriam pior; e o período de sono duraria 20 minutos a menos que em outras fases lunares. Se estiver correto, este trabalho, publicado na revista Current Biology, será o primeiro a confirmar, em condições rigorosas de laboratório, um efeito concreto das fases da Lua sobre o ser humano. (Leia mais na coluna Olhar Cético, na revista Galileu)

A evolução é mais esperta do que você (outra vez)

Imagem
A ninfa, ou filhote, de um tipo de percevejo, o Issus coleoptratus, usa um par de engrenagens nas coxas para sincrozinar o movimento das pernas durante o salto. Essa é a primeira vez em que um sistema de engrenagens capaz de entrelaçar os dentes com precisão e girar de modo funcional é descrito na natureza, diz artigo publicado na edição de 13 de setembro da revista Science. (Leia mais a respeito na coluna Telescópio, do Jornal da Unicamp)