Postagens

Mostrando postagens de Agosto 28, 2016

O sinal alienígena que não era

Imagem
Os cientistas russos responsáveis pelo radiotelescópio Ratan-600 (na imagem acima), do observatório de Zelenchukskaya, que detectou um pulso que chegou a ser considerado um possível sinal de inteligência alienígena, declararam que a verdadeira fonte do pulso foi uma "perturbação terrestre", informa a agência de notícias Tass. Citada pela Tass, a pesquisadora Yulia Sotnikova disse que "um sinal incomum foi recebido, mas a análise posterior mostrou que ele é muito provavelmente uma perturbação terrestre". No momento da entrevista, a instituição preparava um desmentido oficial da hipótese alienígena, acrescentou ela.

A nota oficial, divulgada posteriormente, confirma que o Ratan-600 está envolvido na busca por inteligência extraterrestre, mas que "pode-se dizer, com confiança, que o tão buscado sinal ainda não foi encontrado".

A ideia de que o sinal captado em Zelenchukskaya poderia ter origem numa civilização extraterrestre -- mais precisamente, uma civili…

A arte da da profecia, aplicada ao impeachment

Imagem
Ofereço uma previsão a respeito do desfecho da tragicomédia nacional em andamento: qualquer que seja ele, algum perscrutador de horóscopos ou interrogador de baralhos será "bombado" pela ala mais irresponsável da mídia como tendo adivinhado, certeiro, o rumo atabalhoado do país. Uma busca no Google por "previsões para Dilma Rousseff" traz mais de 590 mil resultados e, surpreendendo ninguém, eles cobrem todo o mapa de possibilidades. O tema passou a crescer a partir de abril último, quando ficou claro que a abertura do processo de impeachment pela Câmara era uma possibilidade forte, e  explodiu em maio.

Começando pelas apostas dilmistas, há o registro, feito pelo iG em maio, da previsão de que Rousseff dará a volta por cima e retomará seus mandato. O autor, Yub Miranda, "bombou" (olha o verbo aí de novo) quando a súbita decisão do deputado Waldir Maranhão, de anular o processo de impeachment, pareceu validar um vaticínio seu. Acrescento que o iG não parec…