Postagens

Mostrando postagens de Julho 31, 2016

"Astrologia" em papel: pré-venda para o Brasil!

Imagem
O momento que todos esperavam (bem, que eu, pelo menos, esperava) chegou: a edição em papel de O Livro da Astrologia está disponível, em regime de pré-venda, na loja brasileira da Amazon, com preço em reais (quem não quiser esperar e não tiver medo do câmbio pode pegar o livro de imediato, no site internacional).

Este livro foi, fundamentalmente, meu principal projeto do ano passado: depois do fim da coluna "Olhar Cético" da Galileu, resolvi usar o tempo que dedicava a pesquisar e produzir os textos da revista para trabalhar um livro na mesma linha. Astrologia foi o resultado.

Ele alterna capítulos  sobre a história da prática -- de sua origem como uma forma de superstição na antiga Mesopotâmia e as mutações que passou, até virar o comércio de autoajuda que é hoje -- descreve brevemente os argumentos de seus principais críticos e apologistas, de Cícero a Carl Jung, entre muitos outros e, o que me parece a parte mais interessante, os vários tipos de teste estatístico criados…

A fosfoetanolamina é segredo

Imagem
Um acordo de confidencialidade, assinado entre autoridades paulistas e o professor aposentado Gilberto Chierice, proíbe que os cidadãos de São Paulo tenham acesso ao laudo que atesta o quê, afinal, está contido nas cápsulas de "fosfoetanolamina sintética" que vêm sendo usadas nos testes clínicos em andamento no Estado, testes estes generosamente financiados pelo contribuinte combalido. Foi esta a resposta que obtive após um pedido, baseado na Lei de Acesso à Informação, protocolado junto à Fundação para o Remédio Popular (FURP), encarregada de encapsular o pó produzido pela empresa PDT Pharma, de Cravinhos, sob supervisão do grupo de Chierice. Abaixo, a resposta da FURP a minha solicitação (clique para ampliar):


 A questão de o quê, exatamente, está sendo encapsulado e distribuído aos voluntários é saliente porque as informações públicas a respeito são contraditórias. Por um lado, há o pedido de patente feito por Chierice e colegas, que afirma que o processo por eles desenv…

Especulação e taxa de câmbio no Brasil

A alta taxa de juros e a falta de regulação no mercado de derivativos no Brasil tornam a moeda nacional especialmente vulnerável a movimentos especulativos e às flutuações da economia global. Essa vulnerabilidade faz com que o câmbio entre o real e o dólar viva uma “montanha-russa” prejudicial para o país, disse professor do Instituto de Economia (IE) da Unicamp, Pedro Rossi, que lançou recentemente o livro “Taxa de Câmbio e Política Cambial no Brasil”, pela FGV Editora. Leia entrevista em que Rossi explica suas ideias no Jornal da Unicamp.