Os segredos da cratera, e arredores

Casa da aldeia guarani Brilho do Sol, às margens da Represa Billings, em São Bernardo do Campo

Semana passada, passei cinco dias percorrendo a região de Parelheiros, na Zona Sul de São Paulo, em companhia de um guia local e de um fotógrafo espanhol, contratado para documentar o trabalho de um grupo de cientistas franco-brasileiros na Cratera de Colônia, uma depressão (provavelmente) provocada por um asteroide, milhões de anos atrás. Como a pauta do fotógrafo envolvia a questão ambiental no entorno da cratera, visitamos muita coisa -- favelas, aldeias indígenas -- além do próprio local do trabalho dos cientistas. O resultado da experiência eu destilei nesta reportagem, publicada pelo Jornal da Unicamp.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Satanistas e pastafarianos, uni-vos!

A maldição de Noé, a África e os negros

"Cura Gay" é o "Design Inteligente" da saúde mental